Início Águas
Outras Notícias
A estratégia dos 10 R’s na gestão dos recursos hídricos

Proteger os Lucros das Organizações de uma Realidade de Indisponibilidade de Água...!!!

 

".... o Planeta Azul...." Não existem dúvidas de que a água é abundante na Terra, mas a sua disponibilidade para os processos industriais e consumo particular é cada vez mais reduzida.

Em Organizações que utilizem processos de consumo intensivo de água, o desenvolvimento e aplicação de uma estratégia de gestão dos recursos hídricos torna-se critico para o futuro dos negócios (Fonte: Thera N. Kalmijn & R. Paul Herman)

De uma forma muito generalista e simples a realidade actual da água pode ser avaliada nos seguintes pontos:

  • A água é abundante na Terra, mas não a sua disponibilidade.
  • O corpo Humano é composto aprox. por 70% de água.
  • 3 500 000 pessoas morrem todos os anos por doenças relacionadas com o consumo de água imprópria.
  • Em 2025 projecções indicam que >50% da população Mundial, não terão acesso a água potável.

 

Estes items são apenas alguns pontos que revelam, aquilo que todos nós sabemos, a Água é o pilar fundamental da Saúde / Sociedade / Cultura da Humanidade.

 

Ao nível das Organizações a gestão adequada dos recursos hídricos torna-se essencial, não só a nível económico mas também a nível social, pois não se podem implementar medidas de racionalização no abastecimento publico das populações, contrapondo-se a utilização irracional nas organizações, (são exemplo disso o horário de rega de espaços verdes, lavagem de infra-estruturas entre outros processos produtivos ou não).

 

Algumas Organizações de Topo estão agora a implementar e a procurar a excelência na Gestão da Água, proporcionando um impacto positivo na Humanidade e aumentando os lucros financeiros "Human Impact + Profit - H.I.P.". As Organizações podem atingir este objectivo através de 3 formas:

 

  • Fornecimento de produtos & serviços que colmatem uma necessidade Humana.
  • Optimizar as operações diárias.
  • Implementar novas práticas de gestão.

 

Com o aumento da pressão sobre os recursos hídricos, devido ao crescimento demográfico, alterações climáticas e aumento de consumo associado ao fenómeno da urbanização & industrialização, os esforços focados na utilização eficiente da água, representam apenas o inicio. Um plano compreensivo da gestão dos recursos hídricos focado nos seguintes princípios "10 R's" permite a protecção dos lucros das organizações, a Sociedade e o Ambiente.

 

 

A Estratégia dos 10 R's para a gestão da Água

"Risks" - Análise de Riscos - localização geográfica; cadeia de valor e fornecedores; interrupções de negócio; etc;...

"Regulation" - Regulação - custo das infra-estruturas; impostos; tarifas.

"Reduction" - Redução - Reduzir o consumo.

"Rights" - Direitos - controlar os direitos á água.

"Reuse" - Reutilizar - Reciclar / Reutilizar.

"Reporting" - Reportar - requisitos com a pegada hidrológica.

"Reinvention" - Reinvenção - eficiência no consumo de água; inovações nos processos.

"Relationships" - Relações - Parcerias com O.N.G.'s; Governos e vertentes industriais.

"Responsible Catchment management" - Gestão das Bacias Hidrográficas - Vegetação; Erosão; Poluição.

"Reputation" - Reputação - marcar os impactos de uma má gestão da água nas operações e cadeia de fornecedores.